Relatório Semanal Mercado de café no Brasil – 20 a 24 de setembro de 2021 | Atlantica
Ordem Mínima
+55 35 3222 0495 Av. Princesa do Sul, 1885 | B. Rezende, Varginha, MG, Brasil | CEP: 37062-447
  1. Início
  2. /
  3. Relatório de mercado
  4. /
  5. Relatório Semanal Mercado de...
  1. Início
  2. /
  3. Relatório de mercado
  4. /
  5. Relatório Semanal Mercado de...
  1. Início
  2. /
  3. Relatório de mercado
  4. /
  5. Relatório Semanal Mercado de...

Relatório Semanal Mercado de café no Brasil – 20 a 24 de setembro de 2021

por set 24, 2021Relatório de mercado0 Comentários

Siga e ouça no spotify! Novos episódios aos sábados pela manhã.

KCNY e câmbio
Os contratos de arábica abriram a semana em baixa, com a valorização do dólar e expectativas de chuva no Brasil. Com as quedas de cerca de 40 mil sacas nos estoques certificados de NY e os volumes de chuvas aquém do necessário por aqui, o café voltou a operar no positivo com os sinais de baixa oferta em 2022, encerrando a semana com variação positiva de 795 pontos.

  • A CONAB divulgou em seu  3º Levantamento da Safra 2021, que o Brasil deverá produzir em 2021 cerca de 46,9 milhões de sacas, uma queda de 25,7% em relação à safra de 2020, justificada pelo ano de bienalidade negativa e condições climáticas adversas;
  • A reabertura das fronteiras em alguns países, como os EUA, traz sentimento mais otimista em relação à demanda de café, mas ao mesmo tempo, o grave e caro cenário logístico marítimo internacional preocupa o mercado;
  • A inflação no Brasil subiu novamente e o IPCA, índice que mede a variação dos preços de um conjunto de produtos e serviços mais consumidos pelas famílias brasileiras, teve a maior alta no último mês em 21 anos;
  • Com os temores sobre a incorporadora chinesa Evergrande e aversão ao risco, o dólar avançou em relação ao real caminhando para encerrar a semana em alta de mais de 1% contra a moeda brasileira.

    Dezembro/21: Min: 182.35 | Max: 195,30 | Ajuste: 194,35 USC/lb
    BRL/USD: Mín: 5.2490| Máx: 5.3775 | Último: 5,3342
    *Dados até a finalização deste relatório 

CLIMA

  • Após dias de temperaturas muito altas e umidade do ar muita baixa em torno de 10-15%, uma massa de ar frio que chegou a região sudeste trouxe certo alívio com a queda nas temperaturas e ventos frios;
  • As condições são de retorno de chuva a partir de hoje no Cerrado e a partir de amanhã alcança o sul de Minas Gerais, Triângulo Mineiro, Paraná e norte de São Paulo. Se confirmadas, podem trazer correções às altas ou vice-versa;
  • As chuvas mais volumosas são esperadas para a segunda semana de outubro/21;
  • As chuvas são muito esperadas pelo mercado e predominantes na precificação, pois com o seu retorno, poderemos entender melhor o que será a safra de 2022.

MERCADO DOMÉSTICO e FOB

  • O mercado interno acompanhou as altas, mas ainda curto de ofertas;
  • Bica corrida bebida dura tipo 6/7 na casa de R$1050 a 1100 por saca;
  • Baixa oferta de Rio minas, cotado entre R$1080 para a peneira 17/18 e R$1050 na 14/16;
  • Na Zona da Mata, boa parte dos armazéns continuam cheios e com dificuldades em embarcar café, pois tem acontecido muito cancelamento devido à baixa disponibilidade de contêineres. Consequentemente, alguns não conseguem receber café porque os estoques não abaixam;
  • No FOB houve demandas para negócios mais pontuais e demanda aparentemente um pouco maior.
  • Demanda aquecida por Rio Minas, mas esbarrando nas dificuldades de absorver novas bases de frete e os elevados preços de reposição;
  • Para os principais destinos de Rio Minas, como Turquia, norte da África e países árabes, os fretes estão na casa de USD 5.200 para 1 contêiner de 40 pés. No início da pandemia, estes fretes custavam cerca de USD 1700;

SAFRA

  • A colheita de arábica no Brasil está praticamente finalizada. Em lavouras de maior altitude ela ainda acontece, onde a maturação dos frutos é mais tardia. Também ainda ocorre naquelas de colheita seletiva;
  • De maneira geral, a safra 21/22 apresenta qualidade muito boa, favorecida pela ausência de chuvas durante a colheita, muito positiva para as qualidades Good e Fine cup, mas ao mesmo tempo negativa para qualidades como o Rio Minas, que tem apresentado oferta demasiadamente baixa;
  • A situação de escassez hídrica afeta, em diferentes intensidades, as principais regiões de arábica no Brasil;
  • Na região da Zona da Mata (Matas de Minas), a abertura da primeira florada foi registrada na primeira quinzena de setembro, principalmente em regiões de baixa altitude. Vale notar que a região das Matas de Minas apresenta menor déficit hídrico, quando comparado com o Sul de Minas e Mogiana. Além disso, as geadas não atingiram a região;
  • A primeira florada também foi registrada no Sul de Minas, mas é muito importante que haja consistência nas chuvas para o pegamento das flores.

LOGÍSTICA

  • Destinos América do Norte: os espaços se encerram assim que os novos navios abrem para reserva. Há novos bookings apenas para saída em novembro;
  • Destinos Japão: espaços restritos também. Nesta semana, conseguimos alocação para o final de outubro e início de novembro;;
  • Destinos Europa: novas reservas têm sido confirmadas apenas para novembro;
  • Os fretes marítimos internacionais cotados no spot estão com preços exorbitantes e sem garantia de espaço;
  • Mediante aos elevados e voláteis preços no spot de frete internacional, a Atlantica está temporariamente cotando apenas FOB para as novas vendas (Mais detalhes nas notas fixas do rodapé);
  • Segue a falta de contêineres, atraso de navios, gates fechados, terminais sem janelas, dificuldade em conseguir bookings e elevados preços de frete, gerando muitos atrasos nos embarques de café.

COVID-19 NO BRASIL
Quase 40% da população está vacinada e 67% já recebeu a primeira dose no Brasil. A média móvel de mortes voltou à tendência de alta após 3 meses.

Pessoas que receberam a primeira dose: +144 mi (67,6%  da população)
Pessoas totalmente vacinadas: +84 mi (39,6% da população)
Casos: + 21.307 milhões
Mortes:  593.018 mil 

Vamos continuar acreditando e investindo na cultura do café!

Equipe Atlantica Coffee


ALERTA DE FRAUDE
Fraudadores criaram contas nos domínios atlanticacoffeee.com (com 3 letras “e”) e atlanticacoffees (coffees no plural) e nos prefixos usando os nomes dos nossos colaboradores imitando inclusive nossas assinaturas. Estão cotando café, emitindo faturas com dados de pagamento alterados, na maioria para bancos em Hong Kong. Por favor, fiquem atentos aos remetentes das mensagens e sempre questionem instruções de alteração de dados bancários! Nosso único domínio de e-mail oficial é: atlanticacoffee.com

NOVAS VENDAS
Os fretes internacionais estão em ritmo de altas sucessivas, como já se sabe. Por isso, temporariamente, na Atlantica, as novas vendas estão sendo base FOB apenas. Podemos atender clientes com demandas CFR ou CIF, contudo os negócios são fechados FOB e após o frete contratado repassamos os valores aos clientes. Esta é uma medida temporária em resposta às várias diferenças de preço nos fretes entre as datas de venda e embarque, que ocasionaram elevados custos extras para o exportador, mesmo tendo realizado reservas e acordos com agentes de carga, que não mantiveram os valores dos fretes. Seguimos buscando adaptar à nova realidade e envidando os melhores esforços para minimizar os impactos do caos logístico global nas operações de nossos clientes.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.